Classe média, papagaio de telejornal

Eu poderia escrever um título original, mas nada seria tão adequado quanto as palavras do músico que canta a canção do video

Consegui colocar o clip, graças a Ju, amiga da ermã.

Eu nunca vi uma definição tão perfeita para a nossa prezada “classe média” brasileira. O mais engraçado foi ver como a letra repercutiu no site Youtube.

  O chapéu serviu??? A música é um espelho???

 A raiva é diretamente proporcional à identificação!

A letra…

Sou classe média.
Papagaio de todo telejornal
Eu acredito
Na imparcialidade da revista semanal

Sou classe média,
compro roupa e gasolina no cartão
Odeio “coletivos” e
vou de carro que comprei a prestação

Só pago impostos,
Estou sempre no limite do meu cheque especial
Eu viajo pouco, no máximo um
Pacote CVC tri-anual

Mas eu “tô nem aí”
Se o traficante é quem manda na favela
Eu não “tô nem aqui”
Se morre gente ou tem enchente em Itaquera
Eu quero é que se exploda a periferia toda

Mas fico indignado com o Estado
Quando sou incomodado
Pelo pedinte esfomeado
Que me estende a mão

O pára-brisa ensaboado
É camelô, biju com bala
E as peripécias do artista
Malabarista do farol

Mas se o assalto é em “Moema”
O assassinato é no “Jardins”
E a filha do executivo
É estuprada até o fim

Aí a mídia manifesta
A sua opinião regressa
De implantar pena de morte
Ou reduzir a idade penal

E eu que sou bem informado
Concordo e faço passeata
Enquanto aumento a audiência
E a tiragem do jornal

Porque eu não “tô nem aí”
Se o traficante é quem manda na favela
Eu não “tô nem aqui”
Se morre gente ou tem enchente em Itaquera
Eu quero é que se exploda a periferia toda

Toda tragédia só me importa
Quando bate em minha porta
Porque é mais fácil condenar
Quem já cumpre pena de vida

S E N S A C I O N A L

Anúncios

~ por laurams em agosto 8, 2007.

6 Respostas to “Classe média, papagaio de telejornal”

  1. Oi Laura….Sou Juliana, amiga de Paola aqui na Suécia. legal teu blog….Só para te dar umna dica sobre o vídeo:
    para q ele apareca tu pode fazê-lo manualmente colocando o endereco depois do sinal de igual entre os colchetes. Outra forma é indo logo abaixo do editor (de posts) onde tem as opcoes upload, mostrar todos, video e slideshows, e clicar em vídeos. Depois é só colar o endereco no local indicado. Logo abaixo tem uma pequena instrucao. Quando estiver pronto é só enviar para o editor.

    Se não conseguir me avisa…posso te ajudar. 😉
    xero

  2. Max Gonzaga de um ilustre desconhecido a ícone pop, graças ao iú tu bíu.

  3. Não sei se recebeu minha resposta por mail sobre a história das cotas. De qualquer forma, é interessante ver argumentos contrários. Embora mantenha minha convicção de que a política cotista é um agravante na segregação racial.

  4. Goria, onde tu escreveste sobre cotas? Bom, na minha humilde opinião eu acredito que quando um determinado grupo social não está representado na sociedade (Considerando brancos são minoria no Brasil, será que não deveriam ter mais políticos, médicos, advogados, presidentes de empresas, etc negros, mestiços ou índios) a descriminação positiva torna-se necessária. Como diz o cientista- político canadense Will Kymlicka, às vezes é preciso dar privilégios para certos grupos para que eles fiquem em nível de igualdade com o restante da sociedade.

  5. DISCRIMINAÇÃO – estou com Alzheimer para Português!

  6. Não foi no meu blogui!! Eu estou de acordo contigo e irei escrever!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: